Posts

A Câmara Frigorífica para flores prolonga a sua vida útil

Normalmente as flores elas devem ser conservadas em locais frescos e abrigados do sol, os vasos poderão ser mantidos lado a lado, alem disso será necessário regá-los conforme a necessidade e suas especificações para cada tipo de planta.

As flores de corte compreendem um capitulo a parte, por conta de suas peculiaridades requerem muito mais atenção e cuidados na sua conservação, pois imediatamente após colhidas inicia-se o processo de degeneração, diversas providencias são cabíveis objetivando desacelerar o processo em questão, na sequencia encontram-se enumerados alguns dos pontos basilares, a saber:

  1. Colheita: flores destinadas ao armazenamento devem ser colhidas antes da maturação completa, porém com seu desenvolvimento normal, quando colhidas em estádio de botão fechado são menos susceptíveis aos danos físicos e às condições ambientais adversas, tais como elevada temperatura e etileno, além de terem o manejo facilitado;
  2. Resfriamento pós-colheita: imediatamente após colhidas as flores devem ser armazenadas na Câmara fria para flores, visando o rápido resfriamento, esta providencia é substancial para prevenir a perda de umidade e remover o calor do campo, desta forma retardando a deterioração;
  3. Transporte: dar-se-á sempre que possível em caminhões refrigerados, pois a temperatura mais baixa diminui a transpiração, reduz a exalação natural de etileno, entre outros itens que degradam a flor;
  4. Armazenamento: a estocagem se dará em uma ótima Câmara fria para flores grande , existe uma excelente opção no mercado, trata-se da excepcional câmara fria padronizada , aliando um custo reduzido a elevada confiabilidade de funcionamento, este equipamento deve estar apto a controlar as seguintes grandezas:
    • temperatura: como visto ela é fundamental para a preservação, para as flores tropicais a temperatura apropriada é entre 4C a 7C, estudos constataram que nas rosas a temperatura é o maior determinante na respiração, sendo que a taxa de respiração é em torno de três vezes maior a 15°C do que a 5°C e seis vezes mais alta a 25°C;
    • umidade relativa: a Câmara fria para flores deve possuir um preciso controle da umidade, o índice deve ser mantido entre 90% a 95% de UR, desta maneira minimiza-se as perdas d’água e o consequente murchamento;
    • oxigênio e gás carbônico: faz-se necessário controlar a concentração deste dois gases no interior da câmara fria, entretanto envolve equipamentos de alto valor, desta forma, um paliativo baste útil é abrir a porta de acesso periodicamente para que aconteça a renovação do ar interior.

O Ganho é grande para floriculturas e Gardens que fornecem esse produto. Com uma câmara frigorífica, o tempo de vida útil para as flores, permitem estoques para revenda.

Faça uma consulta em nosso portal e solicite um orçamento.