Dicas para se Adaptar e Trabalhar Home Office

Em tempos de quarentena relacionado ao CoronaVírus COVID-19, trabalhar em casa, o famoso Home Office, está se tornando um hábito na vida profissional de muitos. Apesar da força maior,  esse sempre foi um sonho de consumo de 11 em cada dez pessoas.  Essa adaptação é um desafio, pois lidar com o tempo dentro de casa e separar da família para ter essa privacidade, nem sempre é um tarefa fácil.

Cenas comuns como de repente seus filhos começam a brigar,  o cachorro resolve latir para o gato, o interfone toca avisando que chegou uma encomenda na mesma hora em que o telefone toca com um cliente ou fornecedor retornando uma chamada importante.

Não é fácil né? Não se preocupe tanto assim,  existem algumas dicas bem simples e capazes de fazer o trabalho em casa ser tão sensacional quanto parece. Segue as dicas:

1 – Crie um local de trabalho

Demarque seu território. Estabeleça um cômodo da casa como o seu escritório. Coloque lá tudo o que você precisa para realizar o trabalho apropriadamente.

Dê preferência a locais silenciosos da sua casa. Fuja do cômodo cuja janela dá para o playground do prédio, por exemplo. Escolha cômodos arejados e bem iluminados, e não deixa de dar uma cara ao seu escritório, como decoração que lhe agrada. Decorar com seus Gadgets preferidos. Time de futebol, livros, cartaz da sua banda preferida, em fim, o que te faz bem. Monte o seu escritório dos sonhos, já que na empresa as vezes tem limitações de decoração.

2 – Estabeleça uma jornada de trabalho razoável

Ok, você trabalha em casa, mas isso não significa que sua jornada diária de trabalho deve ser semelhante à praticada na empresa, dependendo da sua atividade, ou pelo menos seguir o horário comercial se for exigido pela empresa, e cumpra-a à risca.

Se você sente que produz mais à noite, e seu negócio permite que trabalhe nesse período, por que não? Afinal, esta é uma das vantagens de trabalhar em casa.

3 – Evite distrações

Se você tem filhos, animais de estimação, estabeleça limites para eles. Crianças,  deixar claro que, embora você esteja em casa, aquele é seu local de trabalho.

Resolver problemas pessoais durante o horário de trabalho também está fora de questão. Você e as pessoas têm de entender que você está em casa, mas está trabalhando, caso contrário, bye, bye,  produtividade.

4 – Comunique-se

Estabeleça interações com quem quer que seja que você trabalhe. Seu chefe, colegas, clientes ou fornecedores.

Para autônomos, o trabalho remoto pode ser uma armadilha, se você se torna apenas e tão somente o desconhecido atrás do computador. Quando possível, faça reuniões presenciais com clientes e fornecedores, se você for seu próprio patrão.

Se você é o empregado de alguém, essa dica torna-se ainda mais crucial. Informe ao seu chefe quando abrir os trabalhos, mantenha contato frequente com ele. Faça com que ele se lembre que você existe.

5 – Tenha uma lista de tarefas

Disciplina é a palavra-chave. Trabalhar em casa pode gerar distrações que afetam sua produtividade. Tenha uma lista exequível de tarefas a ser realizadas durante o dia e obrigue-se a cumpri-la.

Essa é uma boa forma de manter-se produtivo e disciplinado, mesmo trabalhando em casa.

6 – Faça pausas

Trabalhando no escritório, longe de casa, de vez em quando você dava uma levantada para ir ao banheiro, beber uma água, pegar um café. Adote esse hábito, também, quando estiver ralando em casa.

Essas pausas são fundamentais para espairecer as ideias e seguir para a próxima tarefa e enxergar a situação como um todo.

Sabemos que trabalhar em casa pode ser desafiador para sua produtividade, mas não seja tão duro consigo mesmo. Evite passar além da hora grudados na tela do computador. Faça uma pausa por você.

7 – Busque contato humano

Quando possível, evite fazer as interações com colegas, clientes, chefe ou fornecedores somente por e-mail ou programas de mensagens instantâneas. Use o telefone no dia a dia do seu trabalho e video conferência. Escute a voz de outros seres humanos.

Trabalhar em casa pode, muitas vezes, ser solitário. Evite o isolamento.

8 – Mantenha seu local de trabalho organizado

Afinal de contas, o seu escritório residencial é o seu negócio, e não aquele cantinho que as vezes deixamos largado. Assim como no escritório convencional, um local de trabalho minimamente organizado facilita sua vida e aumenta sua produtividade.

Evite a tentação de pensar “Ora, eu não estou na firma, ninguém vai ver a minha bagunça, mesmo”.

Lembre-se que o principal beneficiado por um ambiente de trabalho limpo e bem organizado é você, mais ninguém.

9 – Saia do trabalho no fim do dia

Sua jornada de trabalho chegou ao fim? Ótimo. Levante-se e vá embora do escritório, mesmo que ele fique na sua casa. Siga para o seu habitat pessoal e viva a sua vida normalmente.

O importante aqui é não se tornar um refém do trabalho dentro da própria casa. Se você decidiu que sua jornada de trabalho acaba às seis da tarde, levante da cadeira às seis da tarde e vá fazer alguma outra coisa da vida.

Via o seu dia de escritório em casa, como estivesse no seu escritório local. Encerrou as atividades, se desconecte.

Bom Home Office!

Via Welcome.com.br

Câmara Frigorífica para HortiFruti

Hoje o mercado de Hortifruti em crescimento, requer mais cuidas com os seus produtos. Na maioria deles, ganhar tempo faz toda a diferença para o seu negócio.

Produtos refrigerados na temperatura certa, podem manter por vários dias, semanas ou meses, dependendo do produto. Por isso uma câmara frigorífica irá aumentar o seu tempo de conservação ou congelado, aumentando a sua produtividade. Consulte-nos e tenha um projeto ideal para o seu Hortifruti.

Tenha sempre um especialista para dimensionar o seu equipamento frigorífico. Nos do portal Câmara Frigorífica, contamos com parceiros com anos de experiência para atende-los. Consulte-nos.

CÂMARAS MODULARES P/ Hortifruti

Câmaras modulares são feitas especialmente para atender as necessidades da sua empresa.

Sob medida, as câmaras padronizadas ou os componentes em separado, são oferecidas para você mesmo instalar ou com apoio técnico de uma equipe indicada pelo fornecedor.

A Câmara Frigorífica para flores prolonga a sua vida útil

Normalmente as flores elas devem ser conservadas em locais frescos e abrigados do sol, os vasos poderão ser mantidos lado a lado, alem disso será necessário regá-los conforme a necessidade e suas especificações para cada tipo de planta.

As flores de corte compreendem um capitulo a parte, por conta de suas peculiaridades requerem muito mais atenção e cuidados na sua conservação, pois imediatamente após colhidas inicia-se o processo de degeneração, diversas providencias são cabíveis objetivando desacelerar o processo em questão, na sequencia encontram-se enumerados alguns dos pontos basilares, a saber:

  1. Colheita: flores destinadas ao armazenamento devem ser colhidas antes da maturação completa, porém com seu desenvolvimento normal, quando colhidas em estádio de botão fechado são menos susceptíveis aos danos físicos e às condições ambientais adversas, tais como elevada temperatura e etileno, além de terem o manejo facilitado;
  2. Resfriamento pós-colheita: imediatamente após colhidas as flores devem ser armazenadas na Câmara fria para flores, visando o rápido resfriamento, esta providencia é substancial para prevenir a perda de umidade e remover o calor do campo, desta forma retardando a deterioração;
  3. Transporte: dar-se-á sempre que possível em caminhões refrigerados, pois a temperatura mais baixa diminui a transpiração, reduz a exalação natural de etileno, entre outros itens que degradam a flor;
  4. Armazenamento: a estocagem se dará em uma ótima Câmara fria para flores grande , existe uma excelente opção no mercado, trata-se da excepcional câmara fria padronizada , aliando um custo reduzido a elevada confiabilidade de funcionamento, este equipamento deve estar apto a controlar as seguintes grandezas:
    • temperatura: como visto ela é fundamental para a preservação, para as flores tropicais a temperatura apropriada é entre 4C a 7C, estudos constataram que nas rosas a temperatura é o maior determinante na respiração, sendo que a taxa de respiração é em torno de três vezes maior a 15°C do que a 5°C e seis vezes mais alta a 25°C;
    • umidade relativa: a Câmara fria para flores deve possuir um preciso controle da umidade, o índice deve ser mantido entre 90% a 95% de UR, desta maneira minimiza-se as perdas d’água e o consequente murchamento;
    • oxigênio e gás carbônico: faz-se necessário controlar a concentração deste dois gases no interior da câmara fria, entretanto envolve equipamentos de alto valor, desta forma, um paliativo baste útil é abrir a porta de acesso periodicamente para que aconteça a renovação do ar interior.

O Ganho é grande para floriculturas e Gardens que fornecem esse produto. Com uma câmara frigorífica, o tempo de vida útil para as flores, permitem estoques para revenda.

Faça uma consulta em nosso portal e solicite um orçamento.